Destaque

  • LDL-C >160 mg/dL: nova indicação para tratamento nos doentes de baixo risco?

    Num estudo de grande dimensão (mais de 36000 doentes, seguidos durante quase 27 anos) em doente com baixo risco cardiovascular, os doentes com LDL-C 160-189 mg/dL apresentaram, em comparação com os que tinham LDL-C < 100 mg/dL, maior risco de mortalidade CV (HR= 1,7) e (...) 

    A elevação do LDL-C  ≥190 mg / dL associa-se a uma antecipação do risco de doença arterial coronária (DC) em 10 a 20 anos nos homens e 20 a 30 anos nas mulheres. Esses valores, mesmo que não constituam marcador fenotípico de hipercolesterolémia familiar heterozigótica, sextuplicam o risco de futura DC mesmo em doentes com baixo risco. Por essa razão, as guidelines contemplam a indicação potencial para tratamento com estatinas nesses doentes, mesmo na ausência de outros factores de risco. Em doentes de baixo risco, não tem havido evidência suficiente para tratar doentes com níveis mais baixos de LDL, o que é posto em causa pelo estudo de Abdulah, agora ...

Opinião

  • Afinal, a hora da medicação é importante!

    Em estudo publicado no EHJ, a toma de fármacos anti-hipertensivos ao deitar associaou-se a redução dos valoes da PA sistólica durante o sono, com impacto na redução de eventos cardiovaculares 
 

Essencial

Clínica

Seleção